Deixe para trás o passado de Dor (By Pr. Laerte Augusto – ICS)

Estudo para Células – 34

Jó 3:20-26

Introdução: uma das histórias bíblicas mais conhecidas é a de Jó. Ele foi um homem que enfrentou uma grande tribulação, perdeu filhos, perdeu suas riquezas, perdeu sua saúde e, além de abandonado, foi criticado por seus amigos. Sua esposa também não esteve ao seu lado na hora da sua dor. O livro de Jó trata da dor da experiência humana, sem dúvida, é um verdadeiro drama.

Obviamente, tudo o que Jó teve que enfrentar afetou profundamente a sua alma e isso produziu nele um certo tipo de atitude que muitas vezes nós observamos nas pessoas que convivem conosco. Geralmente, esse tipo de comportamento é fruto de experiências negativas do passado. Veja na experiência de Jó que aquilo que ele fala – nos versículos que são a base da nossa reflexão de hoje – revela a sua dor e os resultados dela.

No estudo dessa semana, veremos três coisas que podem aparecer em nossa alma como resultado de um passado de dor:

1. As Emoções adoecidas: as emoções de Jó estão adoecidas e isso fica claro no verso 20. Ele pergunta: “Por que se concede luz ao miserável, e vida aos amargurados de ânimo, que esperam a morte e ela não vem…” Ele não entende porque continua vivo, na sua percepção ele acha que estaria melhor se tivesse morrido, ele diz que exultaria se encontrasse uma sepultura (22). Isso revela a depressão da sua alma, toda a tribulação do passado fez com que emocionalmente ele adoecesse. Tem muita gente assim, precisando de cura para as emoções, pois o presente está completamente afetado pelas experiências negativas do passado.

Se você quiser, hoje mesmo o Espírito Santo poderá fazer uma obra radical nas tuas emoções e você vai voltar a sorrir novamente. Deus não quer que as tuas emoções fiquem aprisionadas num passado de dor, Ele é poderoso para curar o nosso físico, mas também tem poder para curar as enfermidades da nossa alma.

2. O Medo: outro produto de experiências negativas do passado é o medo. No verso 25, Jó declara: “aquilo que temo me sobrevêm, e o que receio me acontece”. Repare nas suas palavras que ele se tornou uma pessoa completamente sem confiança, ele diz que tem medo de que o mal venha sobre ele, e quanto mais ele teme, mais coisa ruim acontece na sua vida. Por estar traumatizado, Jó se torna uma pessoa negativa. O negativismo pode ser fruto de situações que nos traumatizaram.

Quantas vezes nós sonhamos e tudo o que queríamos não se cumpre. Ao invés daquilo que esperávamos receber, vem exatamente o que não buscávamos. Então, numa outra oportunidade, já temos mais dificuldades de acreditar que poderemos conquistar o que almejamos. Se em seguida tivermos que enfrentar mais dificuldades, teremos uma grande probabilidade de achar que conosco só acontece o que não queremos. Dessa forma, vamos nos tornando medrosos e ficaremos sempre na defensiva. Perderemos a iniciativa, deixaremos de ser ousados, pois fomos assaltados pelo medo que foi produzido por aquilo que enfrentamos no passado e que marcou a nossa vida.

3. O Estresse: no verso 26 há uma reclamação feita por Jó, veja o que ele diz: “não tenho descanso, nem sossego, nem repouso,…” Ele está reclamando de cansaço, sua alma está estressada e ele não suporta mais aquela situação. Entenda isso, quem está aprisionado a um passado de dor, vive sem desfrutar da verdadeira paz, vive sobressaltado, com medo de que o pior aconteça. Quanto mais as memórias de um passado de dor nos pressiona, mais estressados estaremos.

No Salmo 23:2 Davi diz: “Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso;…” Quando deixamos Jesus pastorear a nossa alma, Ele fará com que abandonemos a dor do passado. Assim, iremos repousar em pastos verdejantes e estaremos junto das águas de descanso.Em Mateus 11:28, Jesus faz um convite a todos aqueles que estão cansados e sobrecarregados e lhes promete alívio. Ele tem isso para todos nós, por maior que seja a sua dor, você não pode deixar que ela lhe consuma e o aprisione. Entregue ao Senhor as suas aflições, angustias e dores, e receba dele a paz, o alívio e a alegria.

Conclusão: Jó não entendia o que estava acontecendo com ele, até mesmo achou que a sepultura seria melhor do que continuar vivo. Porém, no fim do livro de Jó, depois de ser restituído em tudo o que o inimigo havia lhe roubado, ele diz que toda aquela experiência negativa serviu para trazer revelação de Deus para ele. Veja o que ele diz: ”Eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te vêem”. (Jó 45:5) 

 

Deixe seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s